Defeso do Camarão 2017

Publicado em 17/03/2017 às 01h16

   O período de defeso do camarão neste ano de 2017 acontece de quarta-feira  1º de março a 31 de maio e tem como objetivo preservar a reprodução do crustáceo impedindo a pesca de camarão no mar do interior do Rio de Janeiro.

   Nesses três meses fica proibida a pesca de arrasto com tração motorizado para a captura das seguintes espécies; Camarão-rosa (Farfantepenaeus paulensis, F. brasiliensis e F. subtilis); Camarão-sete-barbas (Xiphopenaeus kroyeri); Camarão-branco (Litopenaeus schmitti); Camarão Santana ou Vermelho (Pleoticus muelleri) e barba-ruça (Artemesia longinaris).

 

 

 

 

 

 


   A medida não vale para a pesca na Laguna de Araruama, que tem um período próprio de defeso. Os Pescadores de Cabo Frio, Arraial do Cabo, Búzios, Saquarema, Macaé, do litoral de Campos dos Goytacazes e São João da Barra são afetados por esta medida. 

   De acordo com a Fundação Instituto de Pesca do Estado do Rio de Janeiro (Fiperj), o pico do período de reprodução do camarão varia de um ano para outro, de acordo com a variações climáticas, de correntes e ventos.

Segundo a fundação, para receber o seguro-defeso, os pescadores devem ter o RGP (Registro Geral de Pesca) e NIT como assegurado especial. O primeiro é feito no Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento, e o segundo no INSS.

   As punições incluem advertência, multa, apreensão dos animais, destruição do produto e suspensão parcial ou total das atividades, de acordo com o Decreto nº 6514, de 22 de julho de 2008.

   Vamos respeitar o defeso garantindo que as espécies possam se reproduzir.

                                                                                                    Camarão Santa ou Vermeçho - Pleoticus muelleri

    Camarões sem dúvida são iguarias deliciosas e são apreciados por muitos de nós mas, como cidadãos e consumidores conscientes podemos e devemos evitar a procura por eles nesse período, diminuindo a procura com certeza impactaremos diretamente na pesca. Sabemos que mesmo proibida a pesca acontece de forma clandestina, portanto fazendo a nossa parte daremos uma contribuição importante afinal é apenas um pequeno período que irá garantir o futuro de muitas espécies.

voltar para ambiental

left show tsN fsN uppercase fwB|left tsN uppercase fwR|left show tsN uppercase fwR|c05||image-wrap|news c15|fsN fwR normalcase tsN|b01 c05 bsd|news login fwR normalcase tsN|tsN fwR normalcase|normalcase fwR c05|content-inner|left fwR tsN uppercase|news fl login fwR normalcase